top of page

VAI VIAJAR COM SEU CÃO? ENTÃO SIGA AS NOSSAS DICAS


Qualquer época do ano é sempre ideal para os passeios familiares, mas como janeiro é o período das férias escolares o interesse das famílias pelas viagens é maior nesse período. Exatamente por isso que as praias, os hotéis-fazenda, as cidades históricas e os polos turísticos ficam lotados. Cuidar dos preparativos é tão bom como aproveitar a viagem e esse clima de alto astral também deve envolver as providências para transportar o seu animal de estimação, já que ele também faz parte da família, não é verdade? Como a grande maioria das pessoas viaja de carro, pesquisamos o assunto para ajudar você nos preparativos. Nessa época de calor excessivo, típico do verão, até mesmo a temperatura elevada no interior dos veículos representa perigo para os animais domésticos. Os cães, por exemplo, são muito sensíveis e assim como crianças e idosos, exigem cuidados especiais na hora de programar a viagem. Nunca é demais lembrar que eles possuem somente a boca e as almofadinhas das patas que permitem regular a temperatura do corpo. Dependendo da espessura da camada de pelos e do sistema respiratório, ele poderá enfrentar uma hipertermia ou mesmo um superaquecimento corporal. Por isso, antes de começar a tão sonhada viagem de férias com a família tome cuidados importantes e, ao mesmo tempo, simples que ajudam muito, além de garantir uma viagem ainda mais segura e divertida. Comece por montar um kit de primeiros socorros para o caso dele se machucar ou passar mal. Leve seus brinquedos favoritos, assim a adaptação ao espaço temporário será mais fácil. Não se esqueça da ração, inclusive com folga para o caso das férias serem prolongadas. Não dê alimentos a ele quatro horas antes do percurso, evitando enjoos. Outro cuidado imprescindível é colocar no pescoço dele uma coleirinha com nome, endereço e telefone da família. Nunca deixe o cão colocar a cabeça para fora da janela. É uma pena privá-lo daquele ventinho gostoso e refrescante, mas ele pode se machucar em caso de manobras abruptas na estrada. A melhor opção para transportar cães no carro é o cinto de segurança especial, à venda em petshops, já que ele proporciona maior mobilidade e conforto durante o percurso. A caixa de transporte é uma alternativa menos indicada, mas se for essa a sua escolha eleja o modelo que permita ao cão dar um giro de 360º. Paradas a cada uma ou duas horas são ideais para que ele possa se hidratar, esticar as patinhas e fazer suas necessidades fisiológicas. Se no momento da parada ele estiver dormindo, acorde-o e leve com vocês. Jamais deixe seu totó sozinho no veículo, mesmo que seja na sombra, pois ele pode se enrolar em algum acessório ou sufocar com o calor. E, finalmente, qualquer que seja o destino de vocês nunca perca seu totó de vista. No mais, boas férias pra vocês...

 

Mais dicas sobre transporte de animais:

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

FILMES DE NATAL PARA ASSISTIR COM OS PETS

Então é Natal! Chegou a data mais esperada do ano, quando o clima de fraternidade toma conta das ruas e as famílias se reúnem para agradecer e celebrar tudo que foi conquistado ao longo dos doze meses

bottom of page