top of page

PLANTAS X ANIMAIS: 7 DICAS DE COMO LIDAR COM ESSA SITUAÇÃO


É certo que os cuidados vão aumentar mas com boa vontade e persistência na educação do totó, as coisas vão se ajeitar. A seguir, dicas preciosas para manter um jardim que seja amigo do seu bichinho de estimação.

1. Fazendo a escolha certa: espécies de folhas finas ou mais resistentes são as ideais. Não cultive exemplares venenosos e com espinhos porque os animais, especialmente os filhotes, podem se intoxicar ou até mesmo se machucar no contato com as plantas.

2. Faça-o desistir de cavar a terra: você já percebeu que seu bichinho tem uma forte vocação para abrir buracos. Não adianta xingar porque dificilmente ele compreenderá o estrago. A dica é encher os buracos que ele faz com suas próprias fezes, colocando por cima um pouco de terra. Sabe o que vai acontecer? Ele vai cheirar e ao perceber o odor desagradável, desistirá de continuar cavando.

3. Tapete para ele: fique de olho no vai e vem do seu animal e quando descobrir o trajeto que ele mais gosta de fazer é só criar uma trilha com materiais confortáveis, para que ele não sinta vontade de invadir o jardim. Cruzetas de madeira são uma boa dica, assim como as pedras refratárias porque não esquentam no sol nem são escorregadias.

4. Sinal verde: caso o seu cão seja mais velho ou adestrado, então ele poderá ter acesso livre ao jardim. Bem educado, nunca fará escavações e nem estragará suas plantas. No caso de filhotes, então reserve um espaço só para ele.

5. Xixi não: todo mundo sabe que a urina dos cães queima o gramado, por causa da acidez. Para recuperar a parte afetada, é necessário irrigar bastante. Pode ser que a única solução seja mesmo a troca desse trecho, mas é melhor você proteger as mudas novas porque alguns cães gostam mesmo de marcar território e aí o xixi continuará matando a plantação.

6. Cuidado com o adubo: evite sempre os fertilizantes químicos, já que eles podem causar intoxicação. Também tenha cuidado ao manusear produtos tóxicos como herbicidas e inseticidas. Dê preferência para adubos e pulverizadores naturais, como húmus de minhoca, dentre outros.

7. Longe das ervas: normalmente quem gosta de jardim também gosta de horta. Se esse é o seu caso então tome o cuidado de manter o canteiro de ervas, temperos e hortaliças bem longe do totó. Se for grande essa plantação deve ficar bem cercada. Do contrário, faça um canteiro elevado ou então crie um jardim vertical.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

CÁLCULOS URINÁRIOS EM GATOS: COMO PREVENIR?

Quem tem um bichano em casa sabe bem que, normalmente, ele não é muito fã de água e, por isso, ingere pouca quantidade ao longo do dia. Esse hábito adquirido dos seus ancestrais - que não bebiam água

DERMATITE PSICOGÊNICA: COMO PROTEGER O SEU GATO?

Dermatite Psicogênica, popularmente conhecida como Dermatite por Lambedura, é um problema de pele bastante comum nos gatos, geralmente causado por estresse, que leva o animal a se lamber excessivament

bottom of page